Sem desculpas: dicas para encarar trilhas

arabeco-giz-v2.png

Tem muita gente que curte fazer trilhas, mas, por conta de alguns fatores, nem sempre se anima.

 

NÃO DEPENDA DE COMPANHIAS

Essa primeira dica parece ser um conselho para fazer tudo sozinho, mas não é exatamente isso. A dica é que você busque pessoas que também curtem aventuras para irem com você, em vez de depender dos amigos que, embora muito próximos, não curtem caminhar. 

 

SEM CONDICIONAMENTO FÍSICO?

Se o problema é estar mal condicionado, a dica é pegar leve no início para, só depois, potencializar os exercícios. Assim, comece a se movimentar nas trilhas com menor dificuldade e nunca ultrapasse os seus limites.

 

LEIA, ANOTE E ADOTE!

Se familiarizar com a trilha, com os equipamentos, com “o que levar” e demais dicas é muito importante. Meia horinha por dia lendo a respeito já te aproximará do assunto e te deixará muito mais confiante.

 

QUAIS SÃO AS SUAS PRIORIDADES?

Fazer trilha exige preparação prévia e, por isso, exige tempo. E talvez você esteja pensando: “Mas eu não tenho tempo!”. Será mesmo? Procure trocar uma saída no fim de semana por uma trilha e veja o quão revigorante é!

 

NÃO PRECISA IR MUITO LONGE…

Quando falamos a palavra “trilha”, parece ser algo muito distante ou difícil, mas não precisa ser assim. Escolha percursos mais curtos e mais próximos da sua região ou até mesmo nela. 

 

Essas são só algumas dicas… É claro que tudo parte de você e do seu interesse. Então se envolva, melhore as suas trilhas, faça novas amizades e viva muito melhor!

 

Blog: Via Trilhas e Rumos 

serra negra

LOUCURA É NÃO SE AVENTURAR